ATENÇÃO: Blog sem vínculos institucionais! Instrumento particular do Professor. Este blog não substitui a presença do aluno em classe!

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

08 de fevereiro de 2011

Rotina prevista, em 08/02/2011. Arquivo pessoal.

CEU EMEF JAGUARÉ, 08/02/2011 - 4º ano B, sala 08.

Rotina (corrigida, de acordo com o que ocorreu):
1- Acolhida.
2- Brincadeira do espelho.
3- Leitura compartilhada: "A casa dos mil espelhos". (clique aqui, para acessar o texto).
4- Oração (não obrigatória).
5- Auto retrato / o que espera da escola neste ano.
6- Recreio (09h15).
7- Cuide de si, cuide de suas coisas. Clique aqui, para acessar o texto.
8- Matemática:
1ª parte: numerais (ordem crescente, decrescente; decomposição de numerais).

2ª parte: contas (adição, subtração e multiplicação.

Lição de casa (Matemática): multiplicação.

9- Momento livre (final da aula).


DETALHES:

Nosso primeiro dia de aula.

Vários combinados.

Ao olhar-se no espelho, as reações foram muito interessantes. Antes, informei que eu tinha a imagem de alguém muito importante. Finalizei dizendo que todos os alunos são importantes, ninguém é mais ou menos importante. Li, em seguida, "A casa dos mil espelhos" - dizendo que o ambiente da aula depende da cada um de nós.

Informei que as lições serão de acordo com o ritmo da aula - por isso devemos registrar a rotina, para conferir depois.

Começaremos com lições já conhecidas. Quando chegarmos em lições do quarto ano, ninguém sentirá dificuldades. Procurar ajuda do professor, sempre - estou ai para isso.

Como todos colaboraram, tivemos uma sobra de vinte minutos ao final da aula - os alunos puderam brincar (com respeito e responsabilidade).

Sempre teremos momento de leitura, quase sempre seguido de ilustração e reescrita - que formarão os livrinhos dos alunos. Por isso, o costume de fazer margem nas folhas.

Quanto a correção das lições: enquanto professor, estarei circulando pela classe, orientando e tirando dúvidas. Mas a correção será, na maioria das vezes, na lousa, com a participação da classe - hábito que ajuda a criar autonomia, tão necessária na escola. Mas os alunos nunca ficarão sozinhos nessa empreitada, pois estarei com eles desde o caderno até a lousa.

Lição de casa, em pouca quantidade, para não prejudicar alunos que participam de projetos no contra turno.

Uso do caderno: a critério do aluno, desde que contemplem as três matérias: Língua Portuguesa, Matemática e Natureza e Sociedade.

Quanto à lição de casa: preferencialmente no caderno das lições de classe, mas nada obrigatório. Justificativa: esqueceu o caderno de casa, ficou sem lição vista e corrigida; já no caderno único, não tem como esquecer em casa.

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Sempre teremos momento de leitura, quase sempre seguido de ilustração e reescrita - que formarão os livrinhos dos alunos. Por isso, o costume de fazer margem nas folhas.

    Quanto a correção das lições: enquanto professor, estarei circulando pela classe, orientando e tirando dúvidas. Mas a correção será, na maioria das vezes, na lousa, com a participação da classe - hábito que ajuda a criar autonomia, tão necessária na escola. Mas os alunos nunca ficarão sozinhos nessa empreitada, pois estarei com eles desde o caderno até a lousa.

    Lição de casa, em pouca quantidade, para não prejudicar alunos que participam de projetos no contra turno.

    Uso do caderno: a critério do aluno, desde que contemplem as três matérias: Língua Portuguesa, Matemática e Natureza e Sociedade.

    Quanto à lição de casa: preferencialmente no caderno das lições de classe, mas nada obrigatório. Justificativa: esqueceu o caderno de casa, ficou sem lição vista e corrigida; já no caderno único, não tem como esquecer em casa.

    ResponderExcluir